MIL E UMA NOITES

Desde que partiste, ó bem-amado, afastei-me dos humanos e vivi solitária, pois meu coração não saberia amar mais nada, desde que partiste, ó bem-amado!


Se tornares a vir para perto da tua bem-amada, então recolhe, por piedade, seus despojos mortais, em atenção à sua vida terrena, e dá-lhe o repouso do túmulo, onde tu queiras, mas perto de ti, se tornares a vir para perto da tua bem-amada!


Tua voz! Que ela se lembre do meu nome de outrora, para me falar sobre o túmulo! Oh, da minha sepultura, não ouvirás senão o triste som do choque dos meus ossos!

Comentários