INFÂNCIA

(27/06/2014)

Retorno ao passado
Preso na mente da inocência
Nas lembranças de outrora.

O tempo não volta,
Não havia malícias
E nem erros.
Sonhos nos olhos ingênuos
De um amigo imaginário
Que procura companhia.

Imaginação pura sem ilusões
Na fantasia de criar mundos
Novos de descobertas.

JANAINA RAMOS



Comentários