MÁRIO QUINTANA (1906-1994)

DA INQUIETA ESPERANÇA 
Bem sabes tu, Senhor, que o bem melhor é aquele 
Que não passa talvez, de um desejo ilusório. 
Nunca me dês o Céu... quero é sonhar com ele 
Na inquietação feliz do Purgatório...

Mário de Miranda Quintana foi um poeta, tradutor e jornalista brasileiro. 


Comentários