CAMILO CASTELO BRANCO (1825-1890)

A confidência é a respiração das almas; é, mais ainda, o suplício do conselho e do remédio para as tribulações, ou o estimulo e fé para crer na felicidade sonhada, se ela um dia nos vier provar que não eram mentiras os delírios dos dezoito anos.

Camilo Ferreira Botelho Castelo Branco foi um escritor português, romancista, cronista, crítico, dramaturgo, historiador, poeta e tradutor. Foi ainda o 1.º Visconde de Correia Botelho, título concedido pelo rei D. Luís.


Comentários