CAMILO CASTELO BRANCO (1825-1890)

Não há destinos: o que há são ilusões, enganos, sonhos de felicidade que o mundo não tem.

Camilo Ferreira Botelho Castelo Branco foi um escritor português, romancista, cronista, crítico, dramaturgo, historiador, poeta e tradutor. Foi ainda o 1.º Visconde de Correia Botelho, título concedido pelo rei D. Luís.



Comentários