CAMÕES (1524-1580)

Mas, enquanto este tempo passa lento
De regerdes os povos, que o desejam,
Dai vós favor ao nosso atrevimento,
Para que estes meus versos vossos sejam,
E vereis ir cortando o salso argento
Os vossos Argonautas, por que vejam
Que são vistos de vós no mar irado;
E costumai-vos já a ser invocado.

Luís Vaz de Camões foi um poeta de Portugal, considerado uma das maiores figuras da literatura em língua portuguesa e um dos grandes poetas do Ocidente. Pouco se sabe com certeza sobre a sua vida.

Comentários