CHARLES BAUDELAIRE (1821-1867)

Seremos logo mais nas tênebras mais lúgubres; 
Adeus, vivo clarão das horas estivais! 
Eu escuto, a cair com os seus choques fúnebres, 
A lenha a ressoar nas pedras dos quintais.

Charles-Pierre Baudelaire foi um poeta boêmio ou dandi ou flâneur e teórico da arte francesa. É considerado um dos precursores do simbolismo e reconhecido internacionalmente como o fundador da tradição moderna em poesia, juntamente com Walt Whitman, embora tenha se relacionado com diversas escolas artísticas. Sua obra teórica também influenciou profundamente as artes plásticas do século XIX.

Comentários